4 de ago de 2009

Afinal, quem sou eu?

Eu sou Gisele, 19 anos, estudante.

Sou sincera (até demais, ao ponto de me acharem grossa), decidida, consciente e simpática (com quem corresponde), não curto pessoas falsas, efusivas, e não tolero meios-termos, comigo é assim, ou você é ou você não é, ou você quer algo ou você não quer, pessoas indecisas e confusas não ganham minha admiração!

Me admiram pessoas de caráter... humildade, simplicidade e gentileza vão muito além de qualquer rostinho bonito, e de todo o dinheiro do mundo! Tenho a consciência de jamais fazer com os outros, o que não gostaria que fizessem comigo, acho que isso me faz uma pessoa melhor!

Sou à favor de doação de sangue, órgãos, e de trabalhos voluntários, se cada um fizer a sua parte, teremos um mundo melhor! Apesar de não simpatizar com a prática, acho que a legalização da maconha e de alguns outros entorpecentes daria um fim ao tráfico e diminuiria a violência, já que vai de consciência, quem quer usar, sempre usa, sendo proibido ou não...

Às vezes digo coisas que as pessoas apesar de precisarem, não gostariam de ouvir, mas digo pensando no bem daqueles que gosto, posso até brigar por causo disso, mas sou mole, sempre me desculpo depois, pois pra mim, amizade é muito mais do que diversão, amizade é confiança, respeito, reciprocidade e afeto, coisas que você não se encontra em qualquer esquina, por isso preservo os bons e velhos amigos, mas não me privo de ampliar meu ciclo de amizades, se eu achar que vale apena.

Gosto de festas, de dormir, de assistir um bom filme em casa, de tomar tereré, de não fazer nada num domingo, sou do tipo que tudo (ou quase tudo) me diverte, aqui não tem frescura! Gosto de música, conversar (com quem sabe), ouvir, escrever, tanto que, mesmo sabendo que ninguém irá ler, faço com o maior prazer!

Sem preconceitos ou qualquer outra idéia fútil na cabeça, reservo espaço pra coisas mais importantes. Um pouco persistente e fiel àquilo que acredito ser o certo a se fazer, seguindo princípios, que ao meu ver são valiosos, com a intenção de aprender e aperfeiçoar sempre, cada dia é um recomeço, só que mais sábio, pois as escolhas que eu fizer agora, retornarão depois, que eu faça a escolha certa, ou mude, assim que perceber o erro...

Tenho sede de viver, aprender e crescer, mas sem esquecer as coisas simples da vida, o que me faz bem, o lado bom que existe em mim, em quem está a minha volta, e por mais que o tempo passe, eu vou continuar sendo essa menininha, cheia de gracinhas e piadinhas bobas pra contar, na tentativa de segurar o riso, apesar de nunca dar certo...
É, acho que sempre serei criança. HAHAHA!

Acabo de me tornar caloura de Arquitetura, que é o que eu sempre quis fazer nessa vida, e apesar de ter que ficar longe de todas as pessoas que eu amo e que me fazem bem em busca desse sonho, espero me formar em 5 anos, e ser uma profissional realizada com a minha escolha!

Enfim, acho que isso é um pouco de mim! :***